Feedback

Neve365

snow for fun
Cover by... Cerro Chapelco

Tipos de Botas de Esqui

Existem botas específicas para principiantes, nível médio, nível alto e competição.

 

Principiante

Estas botas tem a forma mais larga, são mais macias e confortáveis. O cano não é tão duro, porque o esquiador principiante não costuma exercer muita força na bota.

A botina interior é mais grossa e acolchoada, e mantém os pés aquecidos. Índice de flexão baixo, entre 60 e 80.

Principal característica: facilidade

 

Nível Médio

Para esquiadores de nível médio e para os mais esportistas. Adequada para aqueles que busquem melhorar sua performance, mas com a comodidade como prioridade. São mais estreitas que as de principiantes, ajustando-se melhor aos pés. Normalmente são termo-moldáveis. Índice de flexão entre 80 e 100.

Principal característica: conforto

 

Nível Alto – Carving Extremo

Botas para esquiadores avançados. São precisas, perfeitas para a máxima inclinação e para curvas pronunciadas. São tão firmes como as de competição, mas mais confortáveis. Reforçadas lateralmente para facilitar o agarre nas curvas na prática do carving extremo. Índice de flexão superior a 100.

Principal característica: eficácia

 

Nível Alto – Race

Botas muito exigentes para esquiadores exigentes. São muito duras (rígidas) , porque têm que suportar uma força extrema. Possuem varias opções de ajustes, para conseguir a máxima personalização: suporte posterior rígido, posições diferentes de flexão (dura/mole), ajuste do canting,... . Índice de flexão entre 130 e 150.

Principal característica: precisão

 

Compartilhe: compartir esta noticia en facebook compartir esta noticia en twitter

Mais Equipamento - Botas

A bota desempenha um papel muito importante: é o elemento de união entre o esquiador e sua prancha.

Botas de Esqui

Devem adaptar-se perfeitamente a nossos pés, sem provocar dor, mas ajustando-se para transmitir nossas “ordens” com a máxima precisão possível. Através das fixações, as botas transferem à prancha as mudanças de peso e direção, que guiam o movimento dos esquis ou do snowboard.

Leia Mais -
Conhecer a estrutura da bota te ajuda na hora de fazer os ajustes mais precisos e aproveitar ao máximo a tecnologia do material.

Partes da Bota de Ski

A "BOTINA" é a parte interior da bota. Feita de material flexível e acolchoada. Tem a função de proteger do frio. Normalmente é desmontável, e podemos retirar-la da parte dura. Pode ser auto-moldável, termo-moldável ou feita a medida.

Leia Mais -
Experimente vários modelos até encontrar o que realmente seja o seu. O resultado é compensador!

Guia de Compra – Botas de Esqui

Se a escolha da bota de esqui não é correta, teremos desconfortos, dores e lesões de diferentes intensidades. Inclusive a bota inadequada pode levar-nos a uma paralização a nível técnico.

Leia Mais -
O cano mais alto favorece a estabilidade, o agarre e os giros, enquanto o mais baixo favorece a agilidade e flexibilidade.

Partes da Bota de Snow

Capa externa, capa interna (botina), cano e sola. Cada uma das partes esta produzida com um material diferente para atender a sua função específica.

Leia Mais -
É fundamental que as botas se adaptem perfeitamente aos pés, para que todos os movimentos realizados com o tornozelo sejam transferidos adequadamente à prancha.

Tipos de Botas de Snow

As botas constituem uma parte importante do equipamento. São responsáveis por proteger os pés dos diversos fatores como o frio e as lesões.

Leia Mais -